Ronaldo de Oliveira/CB/DA press

Ronaldo de Oliveira/CB/DA Press

Dia 17 de março, Data Nacional da Irlanda, Dia de São Patrício, está sendo celebrado durante toda esta semana em Brasília. Tive a alegria e a honra de participar de solenidade comemorativa à data, em Brasília, a convite do Embaixador da Irlanda, S.E. Sr. Brian Glynn, com a presença da Ministra da Educação Nacional, S.E. Sra. Jan O’Sullivan (fotos tiradas no evento, em 16 de março de 2015). Por iniciativa da Embaixada, os arcos da Ponte JK, um dos cartões postais mais marcantes da cidade, ganharam a cor verde, em uma simpática homenagem ao país.

S.E. Brian Glynn, Embaixador da Irlanda no Brasil

Brian Glynn, Embaixador da Irlanda no Brasil

Sra. Jan O´Sullivan Ministra da Educação da Irlanda

Jan O´Sullivan, Ministra da Educação da Irlanda

Há poucos anos atrás realizei o sonho de conhecer esse país encantador, de onde vêm minhas raízes paternas. O povo irlandês, tradicionalmente reconhecido por sua eloquência e seu bom humor, por sua vibrante cultura e por seus inúmeros poetas, artistas e escritores, desfruta de uma elevada qualidade de vida, traduzida em indicadores como a décima-quinta melhor renda per capita do mundo e o décimo-primeiro maior IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) entre 185 estados-membros da Organização das Nações Unidas – ONU.

Dublin (foto: Marcelo Lima Costa)

Dublin (foto: Marcelo Lima Costa)

No aspecto econômico, vive agora um momento importante de retomada, após a crise global de 2008, que afetou duramente a trajetória de crescimento que fez o país ser apelidado de “Tigre Celta”, nos anos 90. Focado em exportações de tecnologia e serviços e, em particular, de software, o país investiu ao longo de muitos anos na educação, que contribui para a existência de uma força de trabalho mais qualificada.

Mas não é apenas pelo verde de suas magníficas paisagens naturais que a Irlanda, conhecida como a ilha esmeralda, se destaca. É considerada como vanguarda em uma questão estratégica para o futuro do planeta: o desenvolvimento sustentável.

Cliffs of Moher (foto: Marcelo Lima Costa)

Cliffs of Moher (foto: Marcelo Lima Costa)

Costa Leste da Irlanda (foto: Marcelo Lima Costa)

Costa Leste da Irlanda (foto: Marcelo Lima Costa)

Cidade de Wexford, Irlanda, origem dos Rossiter (foto: Marcelo Lima Costa)

Cidade de Wexford, Irlanda, origem dos Rossiter (foto: Marcelo Lima Costa)

Centro da cidade de Wexford, Irlanda (foto: Marcelo Lima Costa)

Centro da cidade de Wexford, Irlanda (foto: Marcelo Lima Costa)

Com políticas mais ousadas, a Irlanda tem buscado trazer a questão ambiental para o centro da performance de setores econômicos, que vão da agricultura ao comércio, passando pelo turismo e tecnologia, a partir de um esforço de mobilização coletivo. Atualmente, para se ter um exemplo, estima-se que o país recicle 36% de todo o seu lixo, enquanto o Brasil recicla apenas 13%.

Que o verde da sustentabilidade irlandesa nos estimule a irmos mais longe em nossas políticas e ações no Brasil. Para conhecer mais, veja alguns links:

– Documento “Sustainable Development. A Strategy for Ireland“, lançado em 1997: http://www.environ.ie/en/Publications/Environment/Miscellaneous/FileDownLoad,1825,en.pdf

– Site “Enterprise Ireland”, organização governamental para o desenvolvimento e crescimento de empresas irlandesas em mercados globais. Políticas para promoção de práticas mais sustentáveis, com programas focados em pequenas empresas nascentes ou em operação: http://www.enterprise-ireland.com/en/Productivity/Build-a-green-sustainable-Business/

Anúncios